IFC mobiliza empréstimo de US$ 250 milhões para o Daycoval

Data: 02/03/2017

A IFC, membro do Grupo Banco Mundial, disponibilizará um financiamento de US$ 250 milhões ao Banco Daycoval, banco brasileiro especializado em crédito para empresas, crédito consignado, câmbio e investimentos, para expandir o acesso ao crédito para pequenas e médias empresas (PMEs), incluindo empresas de propriedades de mulheres.

O pacote de financiamento incluirá um empréstimo de cinco anos no valor de US$ 63,6 milhões com recursos próprios da IFC, além de um empréstimo sindicalizado de dois anos, composto por duas tranches: uma denominada em dólares, no valor de US$ 80 milhões, e outra denominada em euros, no valor de € 55,5 milhões. A operação incluirá também um empréstimo de cinco anos no valor de US$ 47,7 milhões, concedido por meio do IFC Managed Co-Lending Portfolio Program (programa de cofinanciamento de carteira administrado pela IFC), uma nova plataforma de empréstimos sindicalizados que oferece a oportunidade para que investidores institucionais possam participar passivamente da carteira sênior de financiamentos futuros da IFC. Do total de US$ 250 milhões, 25%, no mínimo, serão investido em PMEs de mulheres. Os recursos remanescentes serão direcionados ao financiamento das operações do Daycoval de empréstimos para PMEs em todo o país.

Entre os 11 bancos que participam do empréstimo sindicalizado, há cinco bancos que estão investindo no Daycoval pela primeira vez: Industrial and Commercial Bank of China (ICBC), responsAbility Social Investments AG, Bancaribe, Microvest e Republic Bank Limited. Este é também o primeiro investimento do responsAbility Social Investments AG, no Brasil. Os demais bancos participantes do empréstimo sindicalizado são Banco Santander, Standard Chartered Bank, Banco Itaú BBA, Commerzbank, BAC Florida Bank e UBI Banca.

As PMEs têm um papel fundamental na economia brasileira, pois representam cerca de 99% das empresas formais do país. Elas são responsáveis por 52% do mercado de trabalho formal e por 27% do PIB nacional. De acordo com pesquisa realizada pelo World Bank Enterprise, os empreendimentos de mulheres representam metade das PMEs registradas no Brasil. Contudo, quase metade destas empresas afirmam que o acesso ao crédito, ou seu custo, está entre os principais obstáculos à operação de seus negócios; estima-se que a demanda potencial de crédito de PMEs lideradas por mulheres no Brasil seja de US$ 45 bilhões.

“O Daycoval está muito satisfeito com este novo investimento da IFC, que nos permitirá expandir o alcance e melhorar o resultado de nosso trabalho junto às PMEs, que têm um papel tão relevante na economia brasileira,” afirma Ricardo Gelbaum, Diretor de Relações com Investidores do Daycoval. “Há oportunidades incríveis de crescimento para as PMEs, e nós queremos aumentar a nossa parceria com esse setor em todo o país”, ele acrescenta.

“Esta é a sétima vez que a IFC investe no Banco Daycoval nos últimos dez anos. Estamos muito satisfeitos com este novo investimento pois ele nos ajudará a maximizar o alcance do nosso apoio financeiro às PMEs contribuindo, assim, para diminuir a falta de crédito que este setor enfrenta no Brasil,” comenta Marcelo Castellanos, Executivo da IFC Responsável por Instituições Financeiras para América Latina e Caribe. “O Banco Daycoval é um dos principais parceiros da IFC em sua estratégia de aumentar as oportunidades e a inclusão no Brasil, auxiliando, desta forma, a fomentar o desenvolvimento do país”.

O empréstimo está ligado ao Women Entrepreneurs Opportunity Facility (WEOF), programa de financiamento global dedicado à expansão do acesso ao crédito a mulheres empreendedoras. O WEOF foi fundado em 2014 por meio de uma parceria entre o programa IFC Banking on Women (Programa de Empréstimo para Mulheres Empreendedoras da IFC) e o Programa 10,000 Women do Goldman Sachs.  Desde então, o programa já disponibilizou mais de US$ 600 milhões em operações realizadas com bancos em 14 países para aumentar o crédito disponível às mulheres empreendedoras.

”O acesso ao crédito está entre os maiores obstáculos ao crescimento de mulheres empreendedoras”, comenta Lisa MacDougall, Vice-Presidente e Líder Global do Programa 10,000 Women do Goldman Sachs. Ela adiciona que “de acordo com pesquisa realizada pelo Goldman Sachs, acabar com esta lacuna de gênero no acesso ao crédito poderá aumentar em até 12% a renda per capita em mercados emergentes até 2030. O financiamento para o Daycoval colocará mais recursos nas mãos das mulheres empreendedoras no Brasil, que serão responsáveis por capitanear o crescimento econômico futuro e a geração de empregos.”

O programa IFC Banking on Women tem tido um papel catalisador no auxílio a parceiros e instituições financeiras que atendam mulheres empreendedoras de forma sustentável e rentável. Desde seu lançamento, em 2010, já realizou mais de 41 investimentos globalmente, totalizando US$ 1,3 bilhão, e prestou consultoria em 31 projetos.


Sobre a IFC – A IFC, parte do Grupo Banco Mundial, é a maior instituição de desenvolvimento do mundo voltada para o setor privado nos mercados emergentes. Trabalhando com mais de 2.000 empresas em todo o mundo, usamos nossas seis décadas de experiência para criar oportunidades onde elas forem mais necessárias. No exercício fiscal de 2016, nossos investimentos de longo prazo nos países em desenvolvimento subiram para quase US$ 19 bilhões. Usamos nosso capital, conhecimentos técnicos e influência para ajudar o setor privado a desempenhar um papel essencial no esforço mundial para colocar fim à miséria e estimular a prosperidade compartilhada. Para mais informações, visite www.ifc.org

Sobre o Daycoval – O Banco Daycoval é um banco brasileiro especializado em crédito para empresas, crédito consignado, câmbio e investimentos. A Carteira de Crédito Ampliada do Daycoval atingiu R$ 14,3 bilhões em 2016, o Lucro Líquido ficou em R$ 406,9 milhões e os Ativos ficaram em R$ 21,7 bilhões. Conta com mais de 145 pontos de distribuição no Brasil: 39 agências abertas ao mercado, 38 lojas Daycred/IFP, 32 casas de câmbio/correspondentes e 37 escritórios Daypag. Para mais informações, visite www.daycoval.com.br/ri

Sobre o Programa 10,000 Women do Goldman Sachs – O Programa 10,000 Women do Goldman Sachs tem como objetivo fomentar o crescimento econômico ao disponibilizar acesso ao crédito e à formação em administração e negócios a mulheres empreendedoras em todo o mundo. Mulheres de 56 países já participaram da iniciativa por meio da rede de 100 parceiros, incluindo universidades/centros educacionais, ONGs e bancos. Graças à parceria estabelecida com a IFC, o Programa 10,000 Women do Goldman Sachs lançou um modelo de empréstimo pioneiro em 2014 para permitir que 100.000 mulheres empreendedoras tivessem acesso ao crédito.